Como adequar suas proporções as da receita – Tricô

ruler

Primeiramente é importante saber qual é o seu manequim 38, 42, 48, 50. Afinal o que são esses números que aparecem nas roupas e nas receitas?

Esses números indicam a medida em polegadasdo diâmetro de alguma parte do corpo. No caso busto, cintura e quadril (para blusas e casacos mais longos), cintura e quadris para saias, calças e outros. À medida que prevalece é aquela mais importante. No caso da blusa ou casaco com comprimentos normais 10 a 15 centímetros abaixo da linha da cintura.

Nas receitas de tricô, as medidas que aparecem junto a representação gráfica da receita incluem um percentual de folga que não é explicitado. Então, você não sabe exatamente qual é a ideia da modelagem em si, justa, normal ou folgada, Ao comparar suas medidas às medidas apresentadas nas receitas lembre-se que as receitas trazem uma folga embutida.
Se sua medida de busto é 86 cm. A metade dessa medida é 43 cm. Se a receita escolhida apresentar medidas 1 cm maior ou menor do que 43 cm, certamente o tricô irá lhe servir.

A amostra é outro fator muito importante para um bom

Uma amostra, como o nome já diz serve dar uma mostra de como seu fio se comporta quando tecido. Ela permite a você comparar se sua maneira de tricotar se aproxima ou é igual àquela que é mencionada na receita (desde que usado o mesmo fio e agulhas).

Mostre sua amostra e descobriremos onde você vai chegar!

Observe a ilustração a seguir para entender o ‘visual’ do seu ponto meia ou jersey (stocking stitch em inglês) Cada ‘v’ do esquema na horizontal equivale a 1 ponto. Na vertical, cada ‘v’ equivale a 1 carreira. Coloque a amostra na horizontal e conte os ‘vs’. Para saber o seu número de pontos e carreiras em 10 cm.

proporçoes tricô
Então, mãos a obra: pegue sua receita, papel e calculadora.

Separe as agulhas e o fio com o qual pretende tecer e monte cerca de 22 pontos por mais ou menos 30 carreiras se estiver usando fio médio, e 15 pontos por mais ou menos 26 carreiras se estiver usando fio mais grosso.
Teça no ponto mencionado na receita.
Anote quantos pontos você tem em 10 cm. Anote quantas carreiras você tem em 10cm.

Supondo que você tenha 110 cm de busto (este valor é algo bem próximo do manequim 44; normalmente está é a medida básica usada na confecção de peças em tricô ou crochê). A metade da medida é 55 cm. Suponha que o comprimento ou altura do seu projeto tenha 60 cm.
Agora vamos às contas.

Exemplificando: Sua amostra tem 18 pontos x 24 carreiras em 10 cm

18 pontos = 10 cm (amostra)

Sua medida: 55 cm.

(55 cm x 18 pontos) / 10 cm = 99 pontos. Esta é a quantidade de pontos que você deve ter na sua linha do busto, ou seja, a largura da frente ou das costas do seu projeto.

O mesmo vale para o comprimento ou altura.
24 carreiras = 10 cm (amostra)

60 cm é a altura do seu projeto.

(60 cm. x 24 carreiras) / 10cm = 144 carreiras no total.

Para cada seção da receita você vai recalcular a quantidade de pontos e carreiras.
No caso de pontos trabalhados, a sua quantidade de pontos deve ser adaptada de acordo com a execução do ponto. Se você tem um painel com tranças por exemplo, sua amostra deve ser feita a partir deste painel.

Agora que você já entendeu como fazer e para que serve uma amostra, chegou a hora de fazer “a prova dos 9” e verificar se suas contas estão realmente certas.

A matemática tem sua utilidade e é grande aliada no tricô ou crochê.

Ainda que seu corpo seja totalmente desproporcional, as figuras a seguir vão lhe mostrar onde você deve ‘acertar’ o que está esquisito. Na prática, você vai conferir se todas as contas que fez e estabelecer a proporção do seu trabalho em relação às suas medidas.

proporçoes tricô 1

Para frente e costas de blusas, casacos, coletes, etc., cada pedaço da peça tem a proporção de 1/3 da altura ou comprimento total da peça, ou 1/3 da largura total.

Para os comprimentos: o primeiro terço equivale à altura do inicio do trabalho até a cintura. O 2º terço, a medida da cintura até o início da cava. E o último terço equivale à altura da cava. Na prática: suponha que sua blusa mede 60 cm de comprimento ou altura. Cada ‘pedaço’ do seu trabalho deve medir 20 cm de altura.

O mesmo vale para a largura. O primeiro e terceiro terços equivalem à quantidade de pontos que você deve ter para modelar sua cava e seu ombro. No terço central, você tem a quantidade de pontos que formarão seu decote.

Para as mangas, as proporções são: punho-cotovelo, cotovelo-início da cava, encaixe da manga a cava.

Na hora de costurar sua manga a cava, vale sempre lembrar o seguinte: prenda inicialmente a manga em 3 pontos, centralizando em relação ao ombro (centro da manga = costura de união do ombro). Faça sua manga coincidir com as laterais da cava, esticando levemente o tricô se necessário. Evite franzir a manga a menos que o modelo seja com manga franzida, pois o acabamento fica grosseiro. Depois que você pregar as mangas, feche o restante da peça, iniciando a costura sempre pelo punho.

Enfim, na teoria tudo parece complicado e demorado, mas você vai se surpreender com o resultado. Escolha uma receita que lhe encanta, faça suas contas e aquele casaco maravilhoso no manequim 38, vai vestir seu 48 sem faltar ou sobrar nada.

 

fonte: amtproporcoes
Anúncios

4 comentários sobre “Como adequar suas proporções as da receita – Tricô

  1. oi adorei a explicação eu tenho uma dúvida em relação a amostra por ex. se eu tiver que usar dois pontos fantasias em uma única peça vou dar ex, de uma trança e ponto arroz como devo fazer essa amostra e como faço para contar os pontos e carreiras ?

    1. Olá Silvana Ricceto, todos os créditos a Milady do blog: http://www.astramasdemilady.com/

      Então geralmente em receitas com mais de um padrão de pontos a amostra é feita a partir do ponto principal da receita, ou seja, aquele ponto que mais aparece na receita. No caso do seu exemplo se na receita predominar o ponto arroz a amostra deve ser a partir do ponto arroz, se predominar ponto de trança a amostra deve ser feita em ponto de trança. Com relação a contagem de pontos e carreiras faça como indicado no texto acima, se seu fio for fino monte 22 pontos por 30 carreiras o que deve dar um quadrado de 10cm de lado e trabalhe no padrão de pontos, se seu fio for grosso monte 15 pontos por 26 carreiras o que deve dar um quadrado de 10cm de lado e trabalhe no padrão de pontos.
      Qualquer dúvida não deixe de entrar em contato novamente. É um prazer responder as perguntas (:

      Não deixe de se cadastrar na azulmarinhotrico newsletter para ficar por dentro das novidades do blog. Para isto basta colocar seu e-mail no local indicado no rodapé do blog.(:
      Inscreva-se no nosso canal do YouTube para mais dicas e tutorias de Tricô: https://www.youtube.com/channel/UCUVjriQJ_ywRqzuprPxypnw
      Siga-nos também no instagram: https://www.instagram.com/azulmarinhotrico/

      Abraços Luciana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s